• Adriana Dias Titton

Rolfing® Integração Estrutural tem idade?



Boa pergunta!

Não há restrição de idade - Rolfing®IE é indicado para as mais variadas idades, gerando benefícios na infância, adolescência, vida adulta e velhice.


Na INFÂNCIA e ADOLESCÊNCIA, por exemplo, pequenos (ou grandes) acidentes como quedas, torsões, fraturas, lesões ou má postura podem fazer com que o organismo altere seus padrões de movimento, o que, ao longo do tempo, pode afetar sua estrutura, impactando outros aspectos do desenvolvimento. Por exemplo, ilustrando com um caso que atendi, uma fratura na perna em idade precoce (3 anos) pode provocar uma alteração no movimento de caminhada (mecanismo do corpo para proteger a região lesionada e evitar a dor), gerando uma alteração na posição da pelve e compensações em outras partes do corpo. Ao longo dos anos e com o crescimento (apesar das outras tentativas de tratamento feitas pelos pais), esse padrão alterado intensificou-se, afetando de forma significativa os movimentos de caminhar, correr e brincar (jogar futebol, escalar, andar de bicicleta, etc.), fazendo com que essa criança, aos 11 anos, evitasse brincadeiras e convívio com outras crianças. Ao passar pelo processo de Rolfing®IE, nessa idade de intensas mudanças, ela conquistou uma mudança significativa em termos de organização/diferenciação/integração da estrutura do seu corpo, provocando uma mudança igualmente significativa na qualidade da sua mobilidade e, consequentemente, uma grande mudança na sua forma de se relacionar com os amigos e de estar no mundo.


Na VIDA ADULTA, nosso corpo acumula os anos da nossa história de vida e de uso. É, portanto, fácil compreender o quanto podemos ter adotado padrões de movimento ao longo dos anos que, aos poucos, sem nos darmos conta, criaram uma série de desequilíbrios e compensações que, agora, começam a chamar nossa atenção por meio de dores e desconfortos. Apesar de não estarmos mais em fase de “crescimento”, nosso organismo continua vivo e, por isso, em processo contínuo de mudanças. Além disso, a experiência de vida acumulada e maturidade podem ser grandes aliados para o processo de desenvolvimento e autocuidado nessa idade. Por isso, nessa fase da vida, o Rolfing®IE é um caminho que pode promover uma melhora significativa na organização do nosso corpo, um maior nível de autoconhecimento, com consequente melhora de dores e desconfortos.


E na VELHICE? Ela é resultado dos nossos caminhos e escolhas ao longo da vida. Além disso, tem também suas características próprias, decorrentes do processo de envelhecimento do nosso organismo. Sentir-se bem em seu próprio corpo, manter uma boa mobilidade para caminhada, bem como para outras atividades e movimentos e manter um bom grau de autonomia são aspectos importantes nessa fase para uma maior qualidade de vida. O Rolfing®IE pode contribuir para esses objetivos à medida que possibilita ao corpo recuperar um maior nível de organização e equilíbrio em relação à gravidade.

16 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
  • Black Twitter Icon
  • Black Facebook Icon
  • Black Google+ Icon

© 2019 por Adriana Titton. Criado com Wix.com

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now