• Adriana Dias Titton

Rolfing® Integração Estrutural: tratamento, prevenção ou promoção da Saúde?


Quando falamos sobre cuidados com a nossa saúde, podemos encontrar práticas que correspondem a 3 diferentes níveis de ação: promoção, prevenção e tratamento. Todos os 3 são importantes. Porém, avaliar o quanto dedicamos nossas ações cotidianas a cada um deles pode nos fazer perceber se vivemos “fortalecendo mais a nossa saúde” ou “cuidando mais das nossas doenças”.

Quando nosso organismo já se encontra em um estado de desequilíbrio – por exemplo, com uma doença instalada, uma lesão ou fratura presentes – precisamos de ações específicas que possam nos ajudar a voltar para um novo estado de equilíbrio (ou o mais próximo possível deste estado, visto que há situações em que os danos causados já foram tão grandes que não podem mais ser totalmente recuperados): tomar um antibiótico ou outro medicamento, realizar uma cirurgia, imobilizar uma fratura ou entorse para sua recuperação, etc. Essas são ações de TRATAMENTO.


Por outro lado, há situações em que o organismo ainda se encontra em estado de equilíbrio, mas, ao mesmo tempo, está sujeito a riscos específicos – por exemplo, pessoas idosas são mais suscetíveis a alguns riscos, como fraturas, gripes, entre outros. Nesse caso, precisamos de ações específicas que possam evitar os riscos potenciais, mantendo, desta forma, o organismo saudável: vacinas, uso de bengala, fortalecimento muscular, suplementação, etc. Essas são ações de PREVENÇÃO.


E o que seria, então, a PROMOÇÃO? Promoção da saúde é quando mantemos ações em nosso cotidiano que fortalecem o estado de equilíbrio presente em nosso organismo em sua relação com o meio – quando mantemos um estilo de vida com equilíbrio entre a saúde física, emocional, social, espiritual e intelectual.


E o Rolfing® IE, como se relaciona com esses diferentes níveis de ação?


Da forma como foi idealizado pela sua criadora Ida P. Rolf, seu foco principal é a PROMOÇÃO: promove o uso mais saudável das articulações e maior fluidez dos movimentos e postura, melhora a organização dos tecidos com consequente impacto no metabolismo do corpo, e promove maior consciência da pessoa em seu corpo com consequente impacto em sua capacidade de expressão e realização na relação com os outros e com o mundo.


Porém, trata-se de um método que também é utilizado como forma de PREVENÇÃO – por exemplo, no processo de envelhecimento, ajudando a manter a saúde da coluna, das demais estruturas do corpo e a estabilidade e segurança na caminhada; em jovens, no processo de crescimento e sustentação do corpo; e em qualquer idade, na prevenção de lesões geradas por sobrecarga ou mau uso do corpo.


E como TRATAMENTO? O Rolfing® IE, com seu olhar voltado para o equilíbrio do todo do organismo, pode contribuir para a melhora de diversos quadros de dor e desconfortos musculares e articulares de todos os tipos: dores nas costas (lombar, pescoço, hérnia de disco), artrose, tendinite e bursite crônicas, fibromialgia e enxaqueca, por exemplo.


E você, conseguiu identificar no seu cotidiano se suas ações em prol da saúde são mais voltadas para o tratamento, para a prevenção ou para a promoção?

42 visualizações
  • Black Twitter Icon
  • Black Facebook Icon
  • Black Google+ Icon

© 2019 por Adriana Titton. Criado com Wix.com

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now